Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/10/20 às 11h22 - Atualizado em 3/10/20 às 11h32

Entrada norte do anexo do Buriti é revitalizada

COMPARTILHAR

Obra durou sete meses e inclui reforço da estrutura, impermeabilização, paisagismo e iluminação

 

 

Clemente: “Esta revitalização foi feita em benefício da qualidade de vida do servidor”| Foto: Divulgação

 

 

A partir desta sexta-feira (02), servidores e visitantes já podem voltar a acessar o Anexo do Palácio do Buriti pela passarela da entrada norte, que fica próxima ao estacionamento. A revitalização do acesso ao prédio foi realizada pela Secretaria de Economia e durou sete meses.

 

O local estava interditado desde dezembro de 2019. Foram investidos R$ 750 mil na obra de revitalização, que incluiu ainda reforço na estrutura, substituição de materiais, impermeabilização, paisagismo e instalação de iluminação de LED.

 

O secretário de Economia, André Clemente, destacou a importância da revitalização do acesso ao prédio que abriga 18 órgãos do Governo do Distrito Federal (GDF). “O servidor precisa ter um ambiente digno de trabalho e também precisa sentir-se seguro. Esta revitalização foi feita em benefício da qualidade de vida do servidor”, afirmou.

 

Para o engenheiro responsável pelo projeto e fiscalização da obra, Thiago Araújo, da Novacap, um dos maiores desafios foi o estado de conservação da área. “A passarela apresentava muitos problemas estruturais, tanto que precisou de escoramento pelo risco de cair”, detalhou. “A explosão dos caixas eletrônicos danificou a estrutura, que tinha uma deformação de cerca de 4cm. Mas conseguimos garantir a segurança da área e, ao mesmo tempo, fazer com que ficasse um local muito agradável”.

 

A explosão ocorreu em julho de 2018 durante assalto aos caixas eletrônicos que ficavam no acesso ao restaurante do Anexo do Buriti.

 

Do custo total da obra, R$ 499 mil foram para a recuperação estrutural da passarela e R$ 251 mil para pintura, troca das luminárias, instalação de bancos, lixeiras, fiações, reparo e renovação do sistema de drenagem e revitalização da área verde.

 

Segundo o secretário André Clemente, mais obras serão realizadas em outros ambientes da administração pública. “Este é apenas o primeiro passo de obras muito importantes e sensíveis que vamos fazer, não só no Anexo do Buriti, mas também em outros órgãos públicos do GDF, como administrações regionais, conselhos tutelares e secretarias”, garantiu.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Economia